O PAI DE TODOS

          HISTÓRIA          

Odin ou Ódin (em nórdico antigo: Óðinn) é considerado o deus principal do clã dos deuses Asses (Æsir), o clã mais importante de deuses da mitologia nórdica e nas crenças das religiões neopagãs nórdicas, como a Ásatrú. Também é conhecido como "Pai de Todos" e "O enviado do Senhor da Guerra".[1][2][3]

Seu papel, como o de muitos deuses nórdicos, era complexo; era o deus da sabedoria, da guerra e da morte, embora também, em menor escala, da magia, da poesia, da profecia, da vitória e da caça. Era sobretudo adorado pelas classes sociais superiores.[1][2][4]

Odin morava em Asgard, no palácio de Valaskjálf, que ele construiu para si, e onde se encontra seu trono, o Hliðskjálf, onde podia observar o que acontecia em cada um dos nove mundos, graças aos seus dois corvos Hugin e Munin. Durante o combate brandia sua lança, chamada Gungnir, e montava seu cavalo de oito patas, chamado Sleipnir.[4][5]

Era filho de Borr e da jotun ("gigante") Bestla, irmão de Vili e ,[6] esposo de Frigg e pai de vários dos deuses asses (Æsir),[7] tais como ThorBaldrVidar e Váli.[3] Na poesia escáldica faz-se referência a ele com diversos kenningar, e um dos que são utilizados para mencioná-lo é Allföðr ("pai de todos").[8]

Como deus da guerra, era encarregado de enviar suas filhas, as valquírias, para recolher os corpos dos heróis mortos em combate,[9] os einherjar, que se sentam a seu lado no Valhalla de onde preside os banquetes. No fim dos tempos Odin conduzirá os deuses e os homens contra as forças do caos na batalha do fim do mundo, o Ragnarök. Nesta batalha o deus será morto e devorado pelo feroz lobo Fenrir, que será imediatamente morto por Vidar, que, com um pé sobre sua garganta, lhe arrancará a mandíbula.

     FILHOS DE ODIN     

Aparência: Os filhos de Odin não possuem nenhum traço marcante.

 

Personalidade: Com um instinto de liderança inigualável, os filhos de Odin são os melhores no que toca a comandar.
Conseguem ser autoritários e independentes de formas invejáveis, manejando de forma extrema a arte de decisões.
São leais e frios, mantendo a sua distância para com desconhecidos.

         HABILIDADES       

Poderes Passivos


 

Canto da Morte

 

 

Odin era também uma divindade da poesia, suas proles desde o início possuem uma certa aptidão com coisas como ritmo, entendendo padrões de movimento, eles também possuem uma boa capacidade canto. Ao cantar, sua voz soará como uma maldição que penetrará na mente de todos ao seu redor, influenciando-os a terem medo de você e a te respeitarem. Todos irão querer seguir você, amedrontados com a melodia misteriosa.

 

 

Níveis 1-10 : O canto soa como uma praga que invade a mente dos outros campistas e os fazem lhe respeitar. Ela também age como um apaziguador de conflito. A medida que ele canta seus alvos tendem a perder a vontade de lutar e até mesmo desistem de atacar seus alvos.

 

Níveis 11-25: A melodia passa a ser mais perversa, mostrando o poder e a capacidade de comando do filho de Odin. Os semideuses de forma involuntária irão, agora de fato, respeita-lo. O respeito dos outros não são de uma forma hipnótica, ou seja, eles não ficaram calados ou algo do tipo, também passam a querer defender e até mesmo proteger os filhos de Odin contra ameaças ao próprio, podendo até pedir favores aos afetados.

 

Níveis 26-35: Pode, através do canto, convocar semideus para fazer patrulhas, ou coisas do tipo. Sua voz será temida por todos do acampamento, que agora, somente agora, ficarão calados a sua presença. Nesse nível os afetados passam suscetíveis a comandos, enfraquecendo suas imunidades/resistências mentais em 50% permitindo que a prole de Odin possa mandar eles fazerem algo de sua escolha, seja algo muito sério ou até simples. 

 

Nível 36-50: O filho de Odin com seu canto agora consegue animar seus companheiros, revigorando seu vigor e permitindo que eles consigam por uma rodada atacar seus oponentes sem sofrer gasto de energia (naquela determinada rodada).

 

Nível 51-99: Seu canto agora age de uma maneira mais forte invadindo a mente de seus alvos que não conseguirão evitar de ouvir a canção, ela diminui suas capacidades perceptivas (incluindo habilidades relacionadas a consciência e envolvendo sentidos). Ela também diminui a velocidade de raciocínio, movimento e reação em 25%.

 

Nível 100-150: A canção agora afeta o ambiente ao seu redor fazendo a natureza, animais, e seres ao seu redor perderem completamente sua capacidade de movimento, de modo que eles obedeceram a prole, se movendo de acordo com o ritmo da canção.

 

Nível 151-200: A canção agora consegue diminuir a velocidade de reação, movimento e raciocínio de suas vítimas em 40%, deixando estes comparadas a humanos comuns praticamente. 


 

Ambidestria

 

 

Como filho de Odin, você consegue manusear duas armas de uma única vez como se carregasse apenas uma (em questão de peso) tendo assim um domínio elevado em combates de corpo a corpo, possuindo também compreensão sobre itens e armas.

 

 

Níveis 1-10: Mesmo sendo novato no acampamento, o semideus possui um conhecimento elevado que faz com que o mesmo tenha uma perícia elevada caso utilize uma única arma, ou no máximo duas adagas. O mesmo consegue tornar os itens de seus aliados e até mesmo armas (incluindo habilidades relacionadas) tão pesadas que seus oponentes não conseguirão manusear ou se mover (em casos de armadura), ficando com dez vezes o peso de seu portador.

 

Níveis 11-25 : Agora o filho de Odin consegue fazer movimentos mais difíceis com a adaptação da brutalidade. O uso de duas espadas curtas ou dois escudos já são viáveis ao seu personagem, que os manipula com facilidade.

 

Níveis 26-35: Sua experiência em usar duas armas cresce, o semideus parece controlar as duas armas, sejam elas iguais, podendo usar uma para atacar e outra para defender simultaneamente um ataque. As armas aparentam ser leves, podendo suportar assim duas foices por exemplo.

 

Níveis 36-50 : Sua experiência com ambas as mãos lhe permite utilizar até mesmo armas diferentes e com total sincronia, como uma lança e uma espada. No ápice, manipula qualquer arma com ambas as mãos e com mesma eficiência, efetuando golpes precisos. Conseguem agora elevar sua precisão e modo de uso com essas armas podendo efetuar ataques com até 50% a sua velocidade. 

 

Nível 51-99: Os filhos de Odin conseguem melhorar as armas e os itens que porta, eles automaticamente sofrem uma melhoria seja se restaurando caso sofra algum dano, ou até mesmo aumentar sua resistência (até vibranium). Os poderes concedidos pelos itens e artefatos passam a sofrer um aumento de 70% em suas capacidades.

 

Nível 100-150: Os filhos de Odin conseguem portar até 8 armas, tornando seu corpo uma arma letal praticamente, por exemplo conseguindo usar 8 espadas em seu corpo.

 

Nível 151-200: A prole pode assimilar seus itens com outros através de uma "União" basta tocar seu artefato ou item com outro e eles se unirão temporariamente ganhando as capacidades de ambos.


 

Espírito de Sleipnir 


 

Odin possui um cavalo de oito patas sobre seu domínio, apesar da prole também possuir a capacidade de convocar o mesmo em combate, os seus filhos possuirão então acesso aos descendentes deste cavalo.

 

Nível 1-30: Inicialmente o cavalo possuí uma velocidade 200km/h mais rápido que a prole.

 

Nível 31-60: Assim como qualquer animais, principalmente nos cavalos os mesmos pressentem o perigo antecipadamente, percebendo quando um evento ou até mesmo ataque virá. 

 

Nível 61-90: O cavalo consegue nesse nível saltar pelo ar e também planar no mesmo, assim como suas pernas passam a ser mais rígidas e fortes podendo efetuar golpes extremamente fortes sendo que sua força física é 25% a do filho de Odin.

 

Nível 91-120: Era dito que Sleipnir possuía runas esculpidas em seus dentes, o descendente desse ser também manifesta essas mesmas runas em seus dentes conseguindo comer ataques de energia buscando revigorar suas forças e até mesmo se alimentar de outros materiais.

 

Nível 121-150: O cavalo era o mais ágil na Terra e levaria Odim sobre o mar, através dos céus e até à terra dos mortos. Assim, uma vez por combate o cavalo é capaz de absorver os danos que a prole irá receber, mas precisando estar em contato direto com a prole para tal.

 

Nível 151-200: Quando a prole vir a receber um ataque mortal que possa levar o mesmo a morte o cavalo irá surgir, tomando o dano para si caso esteja em contato direto com o filho de Odin.

 

Obs; O cavalo uma vez morto só retornará ao fim do evento.


 

Velocidade Aprimorada


 

Tal como qualquer meio sangue, estas proles dispõem de elevações naturais em sua velocidade de movimentação.


 

Nível 1-10: Pode se mover a 750km/h.

 

Nível 11-25: Pode se mover a 1.500km/h.

 

Nível 26-35: Pode se mover a 2.250km/h.

 

Nível 36-50: Pode se mover a 3.000km/h.

 

Nível 51-99: Pode se mover a 3.750km/h.

 

Nível 100-150: Pode se mover a 4.500km/h.

 

Nível 151-200: Pode se mover a 5.250km/h.

 

Nível 201-250: Pode se mover a 6.000km/h.

 

Nível 251-300: Pode se mover a 6.750km/h.


 

O Olho Que Tudo Vê


 

Ao custo de um de seus olhos Odin pôde beber das águas do poço de Mimir, acessando um conhecimento ancestral, enxergando além de seus próprios limites e até mesmo recebendo o dom da adivinhação, podendo enxergar o futuro com uma certa restrição, o que de certo foi um dos fatores a sua ascensão como Rei Dos Deuses. Seus filhos poderão acessar parcialmente tal capacidade de seu pai ao restringir sua visão a somente um dos olhos.

 

Nível 1-30: Ao fechar um de seus olhos conseguirão ampliar sua visão, enxergando agora tudo em um ângulo de 360° em um raio de 10km. Com isto poderão enxergar dentro e através de objetos e seres, também vendo o plano espiritual.

 

Nível 31-60: A partir deste nível passarão a poder forçar ainda mais a visão de seu olho, podendo ampliar esta a um nível celuloso, mas obviamente perdendo o grande campo de visão de sua habilidade. Neste nível também são capazes de enxergar simultaneamente tudo num raio comparável a vários quarteirões.

 

Nível 61-90: Neste nível seu olho pode enxergar simultaneamentu tudo numa área comparável a uma cidade, agora seus olhos conseguem enxergar na completa escuridão, também enxergando o fluxo de energias místicas ou não-místicas ao redor de si. Com seu olho agora podem acompanhar uma movimentação 50% mais rápida do que seu corpo é capaz de se movimentar.

 

Nível 91-120: Sua visão agora abrange uma área comparável a várias cidades simultaneamente, agora sua visão sendo tão afiada que poderá calcular a trajetória aproximada de ataques contra sua pessoa.

 

Nível 121-150: Sua visão neste nível é capaz de se ampliar a uma área comparável a um estado, porém, com isto perderá sua precisão. Seu olho agora é capaz de acompanhar uma velocidade duas vezes mais rápida que a sua própria.

 

Nível 151-200: Seu olho agora possuirá visão que abrange uma área multi-estatal, neste momento se tornarão capazes de enxergar todas as cenas de uma rodada a sua frente, porém só podendo utilizar disto uma vez por combate.

 

Nível 201-250: Agora serão capazes de enxergar tudo numa área comparável a um país continente simultaneamente, literalmente como se estivesse em todos os lugares ao mesmo tempo. Neste nível seu olho será capaz de enxergar também o passado de um local ao focalizar sua visão, porém, agora conseguirá enxergar o futuro de até duas rodadas a sua frente. Agora seu olho será capaz de acompanhar velocidades até três vezes mais rápidos que ele mesmo.

 

Nível 251-300: Enfim se tornarão capazes de enxergar tudo numa área comparável a múltiplos continentes, sendo quase impossível encontrar algo que escape a visão dos filhos de Odin. Neste nível nem mesmo seres camuflados escaparão de sua visão, podendo forçar seu olho a enxergar até mesmo seres que se apagam da existência temporariamente durante duas rodadas – Três vezes por evento –. Também enxergarão as cenas até três rodadas a sua frente. Seu olho irá acompanhar velocidades até quatro vezes mais rápidas que a prole de Odin.

 

 

Psicologia Transcendente 


 

Odin sacrificara um de seus olhos em troca de uma grandiosa sabedoria e poder mental, tal característica é passada a suas proles que terão grandiosas capacidades mentais.

 

Nível 100: Devido a grandiosidade da capacidade mental destas proles e a pressão que sua mente naturalmente impõe através de sua simples presença, toda e qualquer habilidade psico-mental usada diretamente contra o descendente do Pai de Todos terão 25% de sua efetividade reduzida passivamente. Funcionando somente contra seres com até 20 níveis a mais que a prole ou inferioe.

 

Nível 200: Neste nível as habilidades psico-mentais usadas diretamente contra a prole de Odin terão 50% de sua efetividade reduzida. Funcionando somente contra seres com até 20 níveis a mais que a prole ou inferior.

 

Nível 300: No seu auge a consciência dos filhos de Odin se torna extremamente poderosa, atingem a capacidade de pensar em múltiplas coisas simultaneamente, tendo imunidade a invasão e manipulação mental. Sua imunidade só pode ser quebrada por seres com ao menos 50 níveis a mais ou poder simplesmente superior.


 

O Pai Da Magia

 

 

Odin feriu-se com a lança e suspendeu-se numa árvore, onde permaneceu nove dias agitado pelos ventos; esta árvore é Yggdrasill, o freixo do mundo e assim recebeu grande sabedoria sobre o mundo e sobre a magia. 


 

Níveis 1-50: Inicialmente possuem sensibilidade a energia mágica e por isso sentem a execução de um feitiço ou utilização de alguma habilidade mágica no momento de sua ativação numa área de 20m de si. Desde já mostrarão uma resistência natural contra energia mágica, onde seu corpo será capaz de dissipar disparos de origem mágica focalizados de maneira automática sem que sofra com qualquer dano.

 

Níveis 51-99: Sua sensibilidade mágica passa a cobrir área equivalente a uma rua, conseguindo determinar a localização exata de seres mágicos e usuários de magia nesta área. Desenvolve também a capacidade de marcar suas presas, onde, ao toque, uma runa surgirá no alvo, onde conseguirão os sentir a presença destes independentemente da distância que os separe. Tal marca é de origem mágica e não pode ser removida do corpo dos alvos facilmente.

 

Níveis 100-150: Desenvolvem então resistência mais elevada, conseguindo resistir contra magia de seres de nível/poder inferior. 

 

Níveis 151-200: Suas capacidades naturais alcançam um novo estágio para lhe garantir melhor desenvoltura em suas caçadas e batalhas contra seres mágicos, agora dispõe da capacidade de absorver habilidades mágicas usadas contra si, porém pode se mostrar ineficaz contra magias poderosas pois irão se sobrecarregar, caso force além de seu limite simplesmente irá explodir. Sua sensibilidade mágica alcança a área de uma vários bairros, sabendo da localização precisa de qualquer mágica e do estes estão fazendo. 

 

Níveis 201-250: Seu corpo agora é capaz de absorver a magia utilizada, conseguindo agora suportar maior carga de magia, agora uma vez que ocorrerá uma sobrecarga em seu corpo o levando a liberação instantânea de toda a energia mágica em seu corpo que